Páginas

domingo, 5 de agosto de 2012

Olimpíadas de Londres: vôlei de praia e de quadra continuam em Londres; handebol também

A seleção brasileira feminina de vôlei, secou muito as turcas e foram durante três sets americanas desde pequena. Tudo isso porque a Turquia precisava perder para a seleção dos EUA para as meninas do Brasil passarem para as quartas de final. As vibrações positivas - ou negativas - surtiram efeito, e as americanas que saíram perdendo para a Turquia as venceram por 3 sets a 0 (27/25, 25/16 e 25/19), facilitando assim a vida das brasileiras que às 18h só precisariam vencer a Sérvia, saco de pancadas do grupo, por no máximo 3 a 1.

Após a derrota das turcas, o Brasil fez sua parte e venceu as sérvias sem muitos sustos: 3 sets a 0, parciais de 25/10, 25/22 e 25/16 e se classificaram para as quartas de final. Lá encaram as temíveis russas, que já venceram algumas vezes da seleção brasileira. A seleção russa avançou depois de um jogo difícil, onde a vitória só saiu no tie-break. Itália 2 x 3 Rússia, 26/28, 25/19, 22/25, 25/16 e 15/11. A Rússia termina a primeira fase na liderança do Grupo A.

Vôlei Brasil x Sérvia (Foto: Reuters)
Brasileiras festejam a ida para as quartas. Foto: Reuters


Russas comemoram vitória diante as italianas. Foto: Divulgação

As japonesas usaram como arma a forte defesa, despacharam as fracas donas da casa e também avançam às quartas: vitória por 3 a 0 (25/19, 25/14 e 25/12). Ainda pelo Grupo A, as dominicanas vão às quartas. A  ida se concretizou após a vitória por 3 a 0 sob as africanas da Argélia: 3 a 0 (25/15, 25/16 e 25/13).

Coréia do Sul e China duelaram no início da manhã. As duas seleções se classificaram, mas vitória foi das chinesas, que derrotaram as sul-coreanas por 3 sets a 2, 28/26, 22/25, 25/19, 22/25 e 15/10.

Confira a agenda de jogos das quartas de final (terça-feira, 7):

9h - China x Japão
11h - Brasil x Rússia
15h - EUA x República Dominicana
17h - Itália x Coréia do Sul

Juliana e Larissa vão às semifinal; handebol feminino se garante nas quartas 

Juliana e Larissa vão às semifinais do torneio sem perder nenhum set na primeira fase. As brasileiras se garantiram após vencerem Sara Goller e Laura Ludwig da Alemanha por 2 a 0 (21/10 e 21/19).

Na semifinal, elas enfrentam Xue e Zhang da China.

Angola foi a vítima da vez. Por muito pouco não derrotaram as brasileiras, mas nada segurou a seleção canarinha despachou as africanas por 29 a 27, termina a primeira fase no 1° lugar do Grupo A e garante vaga nas quartas de final. Lá, enfrentam a Noruega, que derrotou as espanholas por 25 a 20. Um adversário de não se colocar defeito, pois as europeias são as atuais campeãs olímpicas e mundiais!

Basquete vence em hora inútil; sete brasileiros dão adeus às Olimpíadas

A seleção feminina de basquete venceu quando não tinha mais chances de classificação. Pela última rodada da fase de grupos, o Brasil de Adrianinha venceu as britânicas por 78 a 66. 

Adrianinha, veterana de 33 anos, se despediu hoje das quadras. A cestinha da partida, com 17 pontos, com o basquete foi bronze em 2000, 4° lugar em 2004 e 11° em 2008.

Sete brasileiros deram adeus à Londres neste domingo. No salto em distância masculino, Guilherme Cobbo parou nos 2,26m e foi eliminado. Nos 400m com barreiras, Jailma de Lima foi a 29ª colada entre 43 atletas e foi eliminada. Agora só disputa o revezamento 4x100m.

No boxe, mais 4 decepções: Roseli Feitosa e Érica Matos caíram. Apenas Adriana Araújo segue em busca de medalha. Robenílson de Jesus caiu diante do cubano Lázaro Álvarez Estrada, campeão dos pesos-galos. 
Web Analytics