Páginas

domingo, 5 de agosto de 2012

Olimpíadas de Londres: resumo da manhã; vela masculina ganha bronze


VELA MASCULINA FATURA BRONZE

Robert Scheidt e Bruno Prada terminaram a medal race, última regata, no 7° lugar e deixam os Jogos Olímpicos de Londres com a medalha de bronze na classe star.

Scheidt se iguala a Torben Grael como maior medalhista brasileiro e entra para o rol de iatistas com mais pódios na história das Olimpíadas.


Atletismo: Adriana Aparecida da Silva, única brasileira que participou da maratona feminina, terminou a prova em 47° lugar, com tempo de 2h33min15s

Quem faturou a medalha de ouro foi a etíope Tiki Gelana, com tempo de 2h23min07s (novo recorde olímpico). A prata foi para a queniana Priscah Jeptoo (2h23min12s). Tatyana Petroka, da Rússia, concluiu a prova em 2h23min19s faturando a medalha de bronze.

Badminton: no torneio individual masculino, ouro para Dan Lin da China, prata para Chong Wei Lee da Malásia e medalha de bronze para Long Chen da China.

No torneio por duplas, ouro os chineses para Yun Cai e Haifeng Fu, prata para os dinamarquenses Mathias Boe e Carsten Mogensen e medalha de bronze para Jae Sung Chung e Young Dae Lee da Coréia do Sul.

Boxe: Erica Matos, primeira mulher a disputar boxe representando o Brasil em uma Olimpíada, perdeu logo na estreia e não tem mais chances de medalha. A atleta verde e amarela foi derrotada por Karlha Magliocco, da Venezuela.

Já Adriana Araújo teve sorte, fez uma boa luta e venceu a cazaque Saida Khassenova por 16 a 14. Nas quartas de final, a pugilista enfrenta Mahjouba Oubtil, do Marrocos e se vencer garante o bronze, já que no boxe todos os semifinalistas sobem ao pódio.

Adriana Araújo vence luta de boxe contra Saida Khassenova (Foto: Reuters)
Adriana comemora vitória. Foto: Reuters

Handebol fem.: Brasil 29 x 26 Angola

Hipismo: Na primeira eliminatórias por equipes masculinas, o Brasil acumulou oito pontos negativos, ficando em 7° lugar garantindo sua vaga na final dos saltos que ocorre nesta segunda-feira. Vem medalha por aí...

Vôlei fem.: a seleção chinesa derrotou as sul-coreanas no tie-break e complicou a situação das meninas do vôlei nas Olimpíadas. As asiáticas se enfrentaram em um jogo muito disputado, com mais de 1h30min de duração. Vitória chinesa por 3 sets a 2 (28/26, 22/25, 25/19, 22/25 e 15/10).

Com o resultado, a seleção verde e amarela só pode agora tirar a vaga da Turquia, que enfrenta hoje as americanas, líderes do grupo com 12 pontos e já classificadas às quartas. Por sua vez, o Brasil precisa vencer as sérvias por 3 sets a 0, no máximo 3 sets a 1....
Web Analytics